FIDES REFORMATA ONLINE

Artigo: O BRASIL NA CORRESPONDÊNCIA DE CALVINO (Volume IX)

Por Francisco Leonard Schalkwijk

Resumo

João Calvino era um refugiado da crescente perseguição contra os evangélicos na França. Quando a cidade de Genebra se libertou do Duque de Savóia, ela se tornou um "cantão" de língua francesa da Confederação Helvética, Suiça(1531). Cinco anos depois, a fé protestante foi adotada e a cidade se tornou um refúgio para muitos franceses, sendo Calvino um deles(1536). Cerca de vinte anos depois quase não havia lugar para tantos refugiados. Calvino soube que a França havia estabelecido uma colônia na baia da Guanabara (1555) e certamente percebeu uma oportunidade para seus conterrâneos perseguidos. Quando o almirante Gaspar de Coligny enviou um pedido de mais colonos, o conselho da Igreja Reformada de Genebra atendeu com entusiasmo e quatorze pessoas aceitaram o desafio, entre elas dois pastores(1557). Ao chegarem à "França Antártica", o líder da novel colônia, Villegagnon, os recebeu muito bem. Todaia, em pouco tempo mudou de posição, sem dúvida devido à notícias que chegaram da França de que a corte e a igreja romana haviam intensificado a perseguição contra os "luteranos". Ele então expulsou os huguenotes da colônia, executando três deles depois de declararem sua fé conhecida "Confissão Fluminense" (1558). O alvo deste artigo não é descrever esta história, mas procurar as referências a ela que se encontram na correspondência recebida ou enviada por Calvino. Este mantinha uma vasta correspondência, inclusive com pastores na França. Será que nas primeiras cartas preservadas há alusões ao Brasil, direta ou indiretamente? De fato, existem onze cartas em que aparecem breves referências a esse episódio, mas o resultado da procura é pobre. Assim mesmo, elas são interessantes. Entretanto, essas referências (geralmente breves e em latim), não são de facilmente acessíveis ao pesquisador brasileiro. Daí serem fornecidas aqui em português, Além dessas mensagens, especialmente no que se refere às perseguições na França e à débil saúde de Calvino.

Palavras-chave

França Antártica hugunotes Igreja Reformada Calvino Richier Chatier perseguição Francisco Leonard Schalkwijk

Sobre o autor

O autor é ministro da Igreja Reformada Holandesa, com mestrado no Calvin Theological Seminary, em Grand Rapids, EUA, e doutorado em história na Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo. É professor visitante do CPAJ.

Clique aqui para baixar o artigo

“E repousará sobre ele o Espírito do SENHOR, o Espírito de sabedoria e de entendimento, o Espírito de conselho e de fortaleza, o Espírito de conhecimento e de temor do SENHOR.” Isaías 11.2
> Newsletter

Coloque aqui seu e-mail para receber nossos Boletins Informativos:

> Informações de Contato

ANDREW JUMPER
Centro Presbiteriano de Pós-Graduação
Rua Maria Borba, 44 - Vila Buarque
São Paulo - SP - Brasil - CEP: 01221-040

E-mail: atendimentocpaj@mackenzie.br
Tel: 011 2114-8644 - Fax: 011 3256-6611

Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper© 2014. Todos os direitos reservados.