FIDES REFORMATA ONLINE

Artigo: O TEXTO BIZANTINO NA TRADIÇÃO MANUSCRITA DO NOVO TESTAMENTO GREGO (Volume VIII)

Por Paulo José Benício

Resumo

Hoje em dia sustentam-se diversas versões quanto à história e utilidade do tipo de texto representado pelo imenso volume de manuscritos mais recentes do Novo Testamento. Por isso, para todo estudante que está em busca de meios no intuito de avaliar a evidência externa de certas variantes, é essencial trazer-se à baila a discussão concernente ao tipo de texto bizantino. Seu juízo a respeito do valor e utilidade dessa forma textual pode, muitas vezes, efetuar uma acentuada diferença em termos da preferência dada à versão impressa no texto ou a uma variante posta nas notas de pé de página das edições gregas do Novo Testamento. A pesquisa em que se alicerça este artigo objetiva evidenciar razões válidas para enpregar o tipo de texto bizantino, como testemunho antigo e independente das fontes neotestamentárias gregas, na elaboração das atuais edições críticas.

Palavras-chave

Crítica textual grego texto bizantino testemunho variantes Paulo José Benício

Sobre o autor

O autor é Doutor em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais, Mestre em Teologia pela Pontífica Universidade Católica do Rio de Janeiro e Mestre em Teologia pela STH, Basiléia, Suiça. Atualmente é professor do CPAJ.

Clique aqui para baixar o artigo

“E repousará sobre ele o Espírito do SENHOR, o Espírito de sabedoria e de entendimento, o Espírito de conselho e de fortaleza, o Espírito de conhecimento e de temor do SENHOR.” Isaías 11.2
> Newsletter

Coloque aqui seu e-mail para receber nossos Boletins Informativos:

> Informações de Contato

ANDREW JUMPER
Centro Presbiteriano de Pós-Graduação
Rua Maria Borba, 44 - Vila Buarque
São Paulo - SP - Brasil - CEP: 01221-040

E-mail: atendimentocpaj@mackenzie.br
Tel: 011 2114-8644 - Fax: 011 3256-6611

Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper© 2014. Todos os direitos reservados.